Bartolomeu dos Mártires

O papa Francisco decidiu canonizar o frade e beato português Bartolomeu dos Mártires, anunciou hoje o Vaticano, na sua página oficial na Internet.

Na sua página, a Arquidiocese de Braga revela que a cerimónia da canonização decorrerá em 10 de novembro.

A Santa Sé anunciou hoje que a decisão foi aprovada na sexta-feira pelo papa, durante uma audiência concedida ao Prefeito para a Congregação dos Santos, cardeal Angelo Becciu.

Francisco “alargou à Igreja Universal o culto litúrgico em honra do beato Bartolomeu dos Mártires, da Ordem dos Frades Pregadores, do Arcebispado de Braga”.

Segundo a Arquidiocese, a 20 de Janeiro, o papa Francisco, em audiência à Congregação para a Causa dos Santos, “tinha concedido a autorização necessária à dispensa do milagre formalmente demonstrado para a declaração de santidade do beato Bartolomeu dos Mártires”.

O Arcebispo Primaz de Braga, Jorge Ortiga, entregou a 05 de Fevereiro de 2015 ao papa Francisco um dossier sobre a vida do antigo arcebispo de Braga, formulando o pedido de canonização equipolente (dispensa do milagre).

Bartolomeu dos Mártires foi declarado Venerável a 23 de Março de 1845, pelo Papa Gregório XVI e Beato, em 04 de Novembro de 2001, pelo papa João Paulo II, relembrou.

Bartolomeu dos Mártires (nascido Bartolomeu Fernandes) nasceu em Lisboa a 03 de maio de 1514 e faleceu em Viana do Castelo a 16 de julho de 1590.

Foi arcebispo de Braga entre 1559 e 1582, tendo tido uma participação importante no Concílio de Trento, como um elemento destacado da ala renovadora da Igreja de então.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade