A CEO da TAP, Christine Ourmières-Widener, durante a conferência de imprensa na sede, em Lisboa, 23 de novembro de 2022. TIAGO PETINGA/LUSA

A TAP vai cancelar 360 voos em 08 e 09 de dezembro, dias da greve de tripulantes de cabine, afetando cerca de 50.000 passageiros e uma perda de oito milhões de euros em receitas, anunciou hoje a presidente executiva.

[O sindicato] decidiu manter a assembleia no dia 06 de dezembro, dois dias antes da greve. […] Qualquer que seja a decisão do sindicato, e por causa da dimensão da TAP, será tarde para fazer algo devidamente organizado. Por isso tomámos a decisão de cancelar 360 voos, nos dias 08 e 09 de dezembro“, disse a presidente executiva da TAP, Christine Ourmières-Widener, em conferência de imprensa, na sede da companhia aérea.

A responsável disse que a decisão não tinha sido “fácil”, mas permitirá à companhia trabalhar com parceiros para encontrar alternativas para os clientes que tinham voos marcados para os dias de greve.

Questionada se acredita que o Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) cancele a greve, depois da assembleia-geral de dia 06, a responsável disse que “neste momento” pensa que não.

A companhia aérea adiantou ainda que a greve terá um impacto de cerca de oito milhões de euros de receitas perdidas.

MPE // MSF

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco via email para geral@lux24.lu.
Siga o LUX24 nas redes sociais. Use a #LUX24 nas suas publicações.
Faça download gratuito da nossa ‘app’ na Google Play ou na App Store.
Publicidade
Publicidade