A ministra da Saúde, Marta Temido intervém no debate sobre política geral, esta tarde na Assembleia da República, em Lisboa, 19 de janeiro de 2021. Portugal contabilizou hoje 218 mortes, um novo máximo de óbitos em 24 horas, relacionados com a covid-19, e 10.455 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). MIGUEL A. LOPES/LUSA

A ministra portuguesa da Saúde, Marta Temido, fez hoje um apelo dramático aos portugueses na luta contra o avanço da pandemia de Covid-19 em Portugal.

“Por favor, ajudem-nos todos. Os próximos tempos vão ser duríssimos”, disse Marta Temido, no encerramento esta terça-feira do debate na Assembleia da República, com a presença do primeiro-ministro, António Costa.

O repto dramático de Marta Temido aos portugueses aconteceu no dia em que o país regista um novo máximo diário de 218 mortes por Covid-19.

ND // ND

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade