Silvina Queiroz, professora, escreve semanalmente no LUX24.

Vivemos uma semana especial. A Semana Santa, um conjunto de efemérides de elevado sentido para os cristãos. Sim, e para quem se não reclama de professar essa fé ou nenhuma até?

Respeito, respeito por todas as crenças e respeito pela ausência delas. Assim sigo, sendo cristã e protestante.

E o modo como encaro as religiões, encaro as diversas opções políticas, salvo uma, que fique claro: Não admito fascistas no meu convívio, próximo ou distante, mas de resto tenho amigos, e bons, em variados quadrantes políticos.

Mas permitam-me escrever sobre as emoções que me assaltam nestes dias até à Páscoa. Não digo que Jesus está morto a partir de sexta-feira, não. Para mim está vivo e presente nas nossas vidas sempre.

Até nas vidas dos que não acreditam na Sua existência ou na Sua divindade. E não creio que alguém venha a ser castigado por não acreditar Nele. Nenhum pai ou irmão amoroso, castiga para sempre os seus amados.

Esta semana é para mim mais um espaço de introspecção do que de auto-flagelamento. Aliás, nem aceito que Deus queira suplícios de nossa parte, em qualquer circunstância.

Também nenhum pai ou irmão de verdade, aceita punir severamente os seus. É uma semana bonita, porque me lembra mais vivamente o motivo da minha fé: o sacrifício do Deus Homem no Monte das Oliveiras, por altura da Páscoa dos Judeus, e a Sua gloriosa Ressurreição três dias depois.

É para mim um tempo de alegria na meditação. Um tempo lindo, ao qual a Primavera, mesmo com algumas “más caras”, dá um colorido mais rico.

Para todos, crentes e não crentes, cristãos, islamitas, budistas, judeus, o meu voto de uma semana fantástica e uma Páscoa feliz, muito feliz.

Celebrem a Primavera, se não vos couber celebrar algo mais.

Um abraço carinhoso. SQ

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco via email para geral@lux24.lu.
Siga o LUX24 nas redes sociais. Use a #LUX24 nas suas publicações.
Faça download gratuito da nossa ‘app’ na Google Play ou na App Store.
Publicidade
Publicidade