As eleições americanas foram de fato um alívio para o mundo, confesso que foram dias de stress e ansiedade, durante os dias da contagem de votos acordei várias vezes de madrugada para saber se o Trump tinha sido derrotado, não era se o Biden tinha vencido, o que me interessava era a saída de Trump da Casa Branca.

Só no sábado dia 7 de Novembro uma boa parte do mundo descansou com o anúncio oficial da vitória dos democratas do Biden e Kamala.

O “menino birrento” não se dá por vencido e vai apelar ao supremo que houve fraude eleitoral roubo de votos etc.

Típico de um tirano e um ditador que nunca teve afinidades com a democracia. Trump não vai descansar, e o desrespeito é lhe característico, ele deu muitos tiros nos pés, mas não posso negar que ele foi inteligente e que durante 4 anos conquistou ou fundou uma seita política que dá pelo nome Trumpismo, onde não existem ideais políticos, existem ideais de supremacia e ódio que são apreciados por muitos milhões de americanos, a resposta foi dada nas urnas, apesar da derrota a votação do Trump foi esclarecedora quanto à legião de apoiantes que tem.

Bruno Gonçalves Gomes, dirigente da Associação Letras Nómadas AIDC, escreve quinzenalmente aos sábados no LUX24. FOTO: Sérgio Aires

Sei que a esperança voltou aos corações de muitos, mesmo no meio de uma pandemia que não dá tréguas, há quem tenha soprado fundo, foi para muitos e muitas um dos melhores dias de suas vidas, eu confesso que foi um dos grandes dias da minha vida apesar de não ser norte-americano, os últimos 4 anos de Trump teve impacto na minha vida, originou diretamente ou indiretamente a inspiração para o reforço dos movimentos nacionalistas e extrema-direita em Portugal, dinâmicas de seita começam a aparecer, os apoiantes da extrema-direita ficam cegos, apenas seguem o apelo do ódio.

Trump veio de alguma forma normalizar o ódio e o racismo em Portugal e outros países da Europa.

Não podemos ficar descansados, serão 4 anos de governação de Biden difíceis, o trumpismo tal como a extrema-direita, não irão desistir de boicotar e destilar o ódio para abanar os alicerces da governação Biden, Steve Bannon, o mentor do ódio irá investir milhões para destabilizar o mundo com a proliferação da extrema-direita…

A única pessoa que irá descansar, ou que irá descansar mais um pouco será a Melania, a vitória de Biden terá sido o melhor dia da vida dela! O semblante dela já não dava para negar, tal como muitos neste mundo, estava farta do velho do cabelo oxigenado. Que sejas feliz Melania!

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade