EDITORS NOTE: Graphic content / Communal workers carry a civilian in a body bag in the town of Bucha, not far from the Ukrainian capital of Kyiv on April 3, 2022. (Photo by Sergei SUPINSKY / AFP)

O Governo alemão declarou 40 diplomatas russos da embaixada de Berlim “persona non grata“, instando-os a deixar o país, informou hoje a ministra dos Negócios Estrangeiros, Annalena Baerbock.

De acordo com um comunicado da diplomacia alemã, os diplomatas russos visados são pessoas que “trabalham dia a dia contra a nossa liberdade e contra a nossa coesão social”, representando um regime de “incrível brutalidade”, como ficou provado pelas imagens de crimes de guerra cometidos na cidade ucraniana de Busha.

Hoje, a Lituânia também já tinha anunciado a expulsão do embaixador da Rússia e o encerramento do consulado russo na cidade lituana de Klaipeda, em resposta às acções militares de Moscovo na Ucrânia.

RJP // PDF

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade
Publicidade