A passagem do Florence na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, fez pelo menos 13 pessoas, de acordo com as autoridades. Entre elas uma mãe e um bebé depois de a sua casa ter sido atingida por uma árvore.

Apesar de as autoridades considerarem que em breve a tempestade vai enfraquecer e transformar-se numa depressão, o risco de inundações permanece como um risco para as populações.

O furacão Florence, que atingiu a costa sudeste dos Estados Unidos, já começou a perder intensidade para tempestade tropical. As autoridades acreditam que nas próximas horas, o Florence enfraqueça e passe a ser considerado uma depressão.

De acordo com o Centro Nacional de Furacões, a tempestade progride lentamente para o estado da Carolina do Sul, deixando um rasto de chuvas fortes, inundações, ameaça de tornados e um apagão de eletricidade que já afetou cerca de um milhão de habitações.

Segundo a Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou o estado de calamidade na Carolina do Norte.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade