Acidente com avião de passageiros no Irão, 08.01.2020 – FOTO: EPA / Todos os Direitos Reservados

Dois mísseis foram lançados contra o Boeing 737 da Ukraine International Airlines abatido em 08 de Janeiro pelas forças armadas iranianas, indicou hoje um relatório de investigação preliminar da Organização de Aviação Civil Iraniana (CAO).

“Os investigadores […] acederam a informações e descobriram que dois mísseis M1-TOR […] foram disparados contra o avião”, apontou relatório.

Após três dias de desmentidos, as forças armadas iranianas reconheceram a 11 de Janeiro ter abatido “por erro” o Boeing 737 da Ukraine International Airlines alguns minutos depois de ter levantado voo de Teerão.

Todos os 176 ocupantes do avião, na maioria iranianos e canadianos, morreram.

No domingo, os corpos das 11 vítimas ucranianas do acidente, entre as quais os nove membros da tripulação, foram repatriados para Kiev.

 

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade