O deputado argentino Héctor Olivares, baleado na quinta-feira nas imediações do Congresso, em Buenos Aires, morreu este domingo na sequência dos ferimentos.

“Lamentamos profundamente a morte do deputado Héctor Olivares. Acompanhamos a família neste momento difícil”, escreveu na rede social Twitter a coligação “Cambiemos”, à qual pertencia o parlamentar de 61 anos.

Olivares estava hospitalizado desde quinta-feira no Hospital Ramos Mejía, na capital argentina. O ataque já tinha provocado a morte do seu assessor Miguel Yadón, que morreu no local.

Pelo menos seis pessoas foram já detidas pelas autoridades, que atribuem o ataque a razões pessoais e não políticas.

O deputado representava a província de La Rioja, no oeste da Argentina.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade