Pelo menos nove feridos e 25 crimes resultaram dos protestos pró e anti-estrangeiros que no sábado juntaram milhares de pessoas em Chemnitz, no leste da Alemanha, revelou a polícia germânica.

A polícia, citada pela agência EEF, revelou ainda que, horas depois dos protestos, um afegão de 20 anos foi atacado por quatro homens encapuzados, estando a ser investigado se os agressores participaram na manifestação da extrema-direita.

De acordo com as estimativas da polícia, os protestos anti e pró juntaram 9.500 pessoas nas ruas daquela cidade do leste da Alemanha onde, uma semana antes, um homem foi esfaqueado nas ruas, alegadamente por dois imigrantes, desencadeando uma caça a estrangeiros por grupos neonazis.

As ruas de Chemnitz têm sido palco de protestos e confrontos após a morte por esfaqueamento de um alemão e a detenção pela polícia de dois suspeitos do crime, um iraquiano e um sírio.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco via email para geral@lux24.lu.
Siga o LUX24 nas redes sociais. Use a #LUX24 nas suas publicações.
Faça download gratuito da nossa ‘app’ na Google Play ou na App Store.
Publicidade
Publicidade