Covid-19 nas águas residuais do Luxemburgo - FOTO: LIST

A presença do coronavírus SARS-CoV-2 nas águas residuais do Luxemburgo continua a ser “muito elevada”, de acordo com o Instituto de Ciência e Tecnologia do Luxemburgo (LIST).

Os mais recentes dados do instituto indicam uma “alta prevalência” do vírus nas águas residuais do país e assinalam um aumento considerável nas estações de tratamento de águas de Hesperange, Bettembourg, Pétange, Mersch, Grevenmacher, Echternach e Bleesbruck.

RELATÓRIO COMPLETO AQUI.

ND // ND

Presença da Covid-19 nas águas residuais do Luxemburgo, semana 13 – 2021 – FONTE: LIST
Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade