Por mero sentido de responsabilidade ou pela obrigação de estar contactável? Certo é que cada vez mais trabalhadores no Luxemburgo estão habituados a ‘levar’ o trabalho para casa fora do horário laboral.

É que, segundo dados do gabinete de estatísticas da União Europeia (Eurostat), 73% das empresas no Grão-Ducado disponibilizam um telemóvel, com ligação à Internet, aos seus colaboradores.

No estudo do Eurostat, o Luxemburgo aparece a meio da tabela, no 14° lugar, acima da média europeia, de 68%.

No topo desta lista estão a Finlândia, com 96% das empresas a disponibilizarem telemóveis aos seus trabalhadores, seguida da Dinamarca (92%) e Suécia (87%).

Portugal aparece no 18° lugar, com 67% das empresas a providenciarem um telemóvel aos seus funcionários.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade