O julgamento de um jovem suspeito de ter assassinado à facada a sua companheira, que estava grávida, começou ontem (14) no tribunal de Diekirch, Luxemburgo.

O caso remota a Julho de 2018, quando o jovem, agora com 24 anos, terá assassinado a sua companheira à facada, em Remich, após uma discussão entre o casal.

A vítima, que na altura tinha 22 anos, estava grávida de “seis a sete semanas”, foi espancada antes de ser morta à facada.

A discussão conjugal terá sido originada pelo facto de a jovem ter dito ao companheiro – que sofre de epilepsia – que queria terminar o relacionamento.

O julgamento continua esta quarta-feira à tarde e prolonga-se por mais seis sessões.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco via email para geral@lux24.lu.
Siga o LUX24 nas redes sociais. Use a #LUX24 nas suas publicações.
Faça download gratuito da nossa ‘app’ na Google Play ou na App Store.
Publicidade
Publicidade