O Grão-Duque Henri - FOTO © Maison du Grand-Duc - Sophie Margue

O Grão-Duque Henri vai assistir aos Jogos Olímpicos, em Tóquio. O soberano luxemburguês parte na segunda-feira e ficará cerca de uma semana no Japão, onde apoiará os atletas luxemburgueses.

O Chefe de Estado, membro do Comité Olímpico Internacional (COI) e do conselho de administração do Comité Olímpico e Desportivo do Luxemburgo (COSL), é uma das poucas pessoas que irá assistir ao vivo à Cerimónia de Abertura dos jogos Olímpicos que, pela primeira vez, decorrerá sem espectadores, tal como a totalidade dos Jogos.

Recorde-se que, na semana passada, o ministro do Desporto, Dan Kersch, anunciou que não iria viajar até ao Japão para assistir aos Jogos.

“Grandes eventos desportivos, que envolvem muito dinheiro, estão a enviar um sinal errado, porque estão a enganar as pessoas, fazendo-as pensar que está tudo bem novamente. Estamos (infelizmente) ainda no meio de uma pandemia”, justificou Dan Kersch.

O Luxemburgo estará presente nos Jogos Olímpicos de Tóquio2020, entre 23 de julho e 08 de agosto de 2021, com 12 atletas em cinco modalidades:

  • Bob Bertemes (lançamento do peso);
  • Charles Gretchen (atletismo, 1.500 m),
  • Stefan Zachäus (triatlo);
  • Kevin Geniets (ciclismo);
  • Michel Ries (ciclismo);
  • Christine Majerus (ciclismo);
  • Nicolas Wagner (equitação);
  • Jeff Henckels (tiro ao arco);
  • Raphaël Stacchiotti (natação), quarta participação em JO;
  •  Julie Meynen (natação, 50m e 100m estilo livre);
  • NI Xia Lian (ténis de mesa), quinta participação em JO;
  • Sarah De Nutte (ténis de mesa).

ND // ND

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade