Um jovem cidadão português. FOTO: Paulo Dâmaso / LUX24Imigração,

Os portugueses continuam a ser a maior comunidade estrangeira residente no Luxemburgo, mas são cada vez menos os cidadãos lusos que escolhem o Grão-Ducado como destino de imigração.

Esta tendência é confirmada num estudo do instituto nacional de estatísticas (STATEC) divulgado esta quinta-feira (21) e que revela que, em 2019, os franceses foram quem mais escolheu o país para imigrar.

Em 2019, os franceses representaram 14,8% dos cidadãos que escolheram o país para viver e trabalhar, seguidos dos italianos (9,2%) e dos portugueses (8,9%).

Contudo, e de acordo com um estudo do STATEC divulgado em abril, os portugueses representam 15,2% da população total. Ou seja, pelas contas do LUX24 haverá cerca de 93.916 cidadãos lusos a residirem no Grão-Ducado, sendo a maior comunidade estrangeira no Grão-ducado.

O Luxemburgo contabilizava 626.108 residentes no dia 01 de Janeiro de 2020.

De acordo com o documento hoje publicado pelo STATEC, “Luxemburgo, terra de imigração“, nos últimos 10 anos, “80% do crescimento da população que vive dentro das fronteiras luxemburguesas deve-se ao número de pessoas que deixa o país de origem para trás”.

“O Luxemburgo destaca-se pelo seu dinamismo demográfico entre os países europeus. Nos últimos dez anos, o crescimento da população deve-se a pouco mais de 80% devido aos imigrantes”, sublinha o STATEC.

O estudo revela algo preocupante: É que há cada vez mais luxemburgueses a abandonarem o seu próprio país.

“A maioria dos luxemburgueses (84% em 2019) que deixaram o país estabeleceram-se num dos três países vizinhos (França, Alemanha e/ou Bélgica). Essas pessoas não cortam necessariamente laços com o Grão-Ducado. De facto, uma proporção significativa delas continua a trabalhar no país, mas decidiu estabelecer a sua residência no exterior em particular por razões relacionadas com os custos da habitação”, alertou o STATEC.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade