A petição que pede dois dias de folga extra para as mulheres trabalhadoras quando estão menstruadas vai a debate no Parlamento do Luxemburgo.

A petição 1865 – que ainda pode assinar no site da Câmara dos Deputados – recolheu até hoje 4.758 assinaturas, ou seja, mais do que as 4.500 necessárias para ser submetida à discussão do Parlamento luxemburguês.

Na prática, os peticionários pedem que as mulheres fiquem dois dias suplementares por mês em casa quando estão menstruadas, evitando trabalhar com dores abdominais e/ou outros sintomas ligados à menstruação.

A petição poderá ainda ser assinada até ao próximo dia 28, às 23:59.

ND // ND

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade