O concerto de Tony Carreira no Luxemburgo agendado para dia 12 de Abril de 2020, às 20:00, no Casino 2000, em Mondorf, foi cancelado. O Casino 2000 anunciou hoje que vários espectáculos foram adiados devido ao surto do coronavírus Covid-19.

Fonte da produtora Dyam, organizadora do espectáculo de Tony Carreira no Luxemburgo, confirmou o cancelamento do espectáculo.

“Apesar de todos os esforços desenvolvidos pela nossa equipa, informamos que o concerto de Tony Carreira no CASINO 2000 de Mondorf-Les-Bains, previsto para o dia 12 de abril, foi CANCELADO. Os bilhetes adquiridos devem ser apresentados, no local de aquisição dos mesmos para que tenha lugar a devolução do valor pago. Para os bilhetes adquiridos via www.dyam.pt,  deverá ser enviado um pedido de reembolso para o e-mail geral@dyam.pt“, refere um comunicado enviado ao LUX24 pela Dyam Produções.
Informação do Casino 2000 face ao Covid-19, 11.03.2020 – FONTE Casino 2000 / Facebook

Este cancelamento surge após surge após o concerto de regresso de Tony Carreira aos palcos, marcado para sábado na Altice Arena, em Lisboa, ter sido também adiado para 27 de Novembro, por não haver condições para sua realização devido ao surto do coronavírus Covid-19.

Num vídeo publicado nas redes sociais, Tony Carreira refere que ele e a sua equipa começaram “há dois meses e meio” a ensaiar para o espectáculo de sábado e que “há dias” que pensam sobre o assunto: “neste momento achamos que não há condições para que esse concerto aconteça, para que haja alegria, boa disposição e segurança”.

ComunicadoConcerto de 14 de Março ADIADO.

Publiée par Tony Carreira sur Mardi 10 mars 2020

 

Tal como acontece no Luxemburgo, o Governo português recomendou igualmente a suspensão de eventos em espaços fechados com mais de mil pessoas e em espaços abertos com mais de cinco mil, devido à epidemia de Covid-19, que foi detectada em Dezembro, na China, e já provocou mais de 4.000 mortos.

No vídeo, o cantor anuncia uma nova data para o espectáculo, 27 de Novembro, lamentando ter de tomar a decisão.

“Estou muito triste, mas a vida continua e, se Deus quiser, dia 27 de Novembro estaremos todos juntos para que este concerto seja um grande sucesso. Sinceramente, acho que tomei a decisão certa”, afirmou.

Segundo a empresa Blue Ticket, também numa publicação nas redes sociais, a produtora Regiconcerto decidiu cancelar o espectáculo, “em virtude dos recentes acontecimentos”.

“Os bilhetes adquiridos mantêm-se válidos para esta nova data. O público terá igualmente a possibilidade de devolução do valor pago pelos bilhetes, no local de aquisição dos mesmos, no prazo de 30 dias a contar da data do evento adiado”, refere a empresa.

Tanto Tony Carreira como a Blue Ticket fazem as declarações sem nunca se referirem à epidemia do novo coronavírus.

Segundo a página de Tony Carreira no Facebook, também o concerto de 28 de Março, no Pavilhão Rosa Mota, no Porto, e o de 11 de Abril, no Olympia, em Paris, estão esgotados.

O cantor assinalou em 2018 30 anos de carreira, anunciando uma pausa “no seu percurso musical”, por tempo indeterminado. A pausa acabou por durar cerca de um ano.

Tony Carreira começou a cantar em França, para a comunidade portuguesa, numa banda constituída com os irmãos, Irmãos 5.

Em 1988, já a solo, editou o primeiro ‘single’, depois da participação no Festival da Canção da Figueira da Foz.

O primeiro álbum do cantor, “Não vou deixar de te amar”, data de 1991.

Ao longo da carreira, editou 28 álbuns, 20 dos quais de originais, e quatro DVD, nos quais ficaram registados, entre outros, concertos no Olympia, em Paris, e na Altice Arena, em Lisboa.

O cantor conseguiu alcançar, de acordo com informação disponibilizada no seu ‘site’, a marca de “60 discos de platina e mais de quatro milhões de discos vendidos”.

Nos últimos 30 anos, “esgotou, em várias ocasiões, alguns dos mais importantes e carismáticos recintos de espectáculos do Mundo, como os incontornáveis Olympia e Zenith em Paris, o imponente Emperors Palace na África do Sul, o marcante Queen Elizabeth nos Estados Unidos, ou a mítica Brixton Academy em Londres, só para citar os mais marcantes”.

 

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade