Uma cruz verde, com uma bota vermelha no topo, da acção de protesto "Bora Vermelha", dos jovens agricultores luxemburgueses, em Niederkorn - FOTO © PAULO DÂMASO / LUX24

Muitos são aqueles que, nos últimos dias, se têm questionado sobre o que representam as cruzes verdes, com uma bota vermelha colocada no topo, espetadas à beira das estradas do Luxemburgo.

Pois bem, a iniciativa – denominada “Bota Vermelha” – é um protesto dos jovens agricultores luxemburgueses perante a, alegada, falta de diálogo do Ministério da Agricultura face à nova lei do sector e como forma de protestar contra a actual política agrária do país.

Os jovens agricultores luxemburgueses – que espetaram cerca de uma centena de cruzes à beira das estradas nacionais – querem reunir o mais rapidamente possível com o ministro da Agricultura, Claude Haagen, e ameaçam que se não forem levados a sério tomarão medidas “sem precedentes”.

Se o Ministério da Agricultura “não responder favoravelmente até 03 de outubro” às pretensões dos jovens agricultores, estes ponderam avançar para uma manifestação nacional.

ND // ND

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade
Publicidade