Police control a person as they patrol in central Vienna on November 2, 2020, following a shooting near a synagogue. - Austrian Interior Minster Nehammer said late on November 2 that a shooting in central Vienna near a major synagogue appeared to be a terrorist attack and was ongoing. (Photo by ROLAND SCHLAGER / APA / AFP) / Austria OUT

O estudante luso-luxemburguês que segunda-feira (02) ficou ferido, com um tiro no ombro esquerdo, na sequências dos ataques em Viena, Áustria, “está a recuperar bem”, revelou o ministros dos Negócios Estrangeiros do Luxemburgo.

“O pior já passou. Ele [o estudante] está a recuperar bem”, disse Jean Asselborn, citado pelo Luxemburger Wort.

Para além das autoridades luxemburguesas, o caso está igualmente a ser acompanhado pelas entidades portuguesas.

O jovem estudante continua internado em Viena, cidade onde na segunda-feira um ataque provocou cinco mortos (entre eles o atirador) e 22 feridos. O atirador, abatido pela polícia, tinha 20 anos e era simpatizante do Estado Islâmico.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade