O Ministro da Habitação, Henri Kox – FOTO MLog

O ministro da habitação do Luxemburgo, Henri Kox, anunciou que o Governo vai consagrar em 2020 cerca de 53 milhões de euros para as ajudas individuais à habitação.

São mais sete milhões de euros do que em 2019 e que pretende “facilitar” o acesso ao arredamento, mas também à compra de imóveis.

Os números, revelados no Parlamento, constam na proposta do Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) e procuram “aliviar” o preço galopante da habitação no Luxemburgo, cujos preços aumentaram 11,4% em apenas num ano, segundo o Instituto Nacional de Estatística (STATEC).

Os vários subsídios estatais são destinados ao arredamento, compra e/ou construção de habitação e há também apoios especiais para pessoas com mobilidade reduzida.

Publicidade