Luxemburgo-Portugal, 17.11.2019, Qualificação Euro2020. FOTO: MARIO CRUZ/LUSA

Após dois anos de crescimento, o número de portugueses que imigraram para o Luxemburgo desceu em 2020, registando-se a entrada de 3286 nascidos em Portugal, os quais representaram 14,6% dos estrangeiros que entraram nesse país no ano passado.

De acordo com o artigo “Emigração para o Luxemburgo interrompe crescimento e diminui em 2020“, de Inês Vidigal, publicado no Observatório da Emigração, nesse período foram 22 490 os estrangeiros que entraram no Grão-Ducado.

Dados do Departamento de Estatísticas do Luxemburgo, citados no artigo, demonstram que esta descida de entradas de portugueses em território luxemburguês acontece após dois anos de crescimento.

Uma diminuição de -12,4% que, ainda assim, foi menor do que a descida do total de entradas no país: -15,7%. Entre 2000 e 2020, as entradas de portugueses em território luxemburguês atingiu um mínimo em 2000 (2193) e um máximo em 2012 (5193 entradas).

O artigo refere que a perda da importância relativa da imigração portuguesa no Luxemburgo tem vindo a acentuar-se, indicando que, entre 2003 e 2020, as entradas de portugueses naquele país passaram de mais de 29% das entradas totais de migrantes estrangeiros para 14%.

Os portugueses representam 14,9% da população do Luxemburgo, segundo o Observatório da Emigração.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade