[arquivo] Apolinário Mendes de Carvalho, embaixador da Guiné-Bissau junto do Luxemburgo, acompanhado pelo Grão-Duque Henri, em 27.09.2021 - FOTO: © Cour Grand-Ducale

A comunidade guineense residente no Luxemburgo organiza, este domingo (17), uma cerimónia de despedida a Apolinário Mendes de Carvalho, o embaixador da Guiné-Bissau junto do Grão-Ducado.

Em junho de 2018, Joaquim Apolinário Mendes de Carvalho foi nomeado embaixador plenipotenciário da Guiné-Bissau na Bélgica e representante junto do Luxemburgo, Holanda, Suíça e da União Europeia.

Apolinário Mendes de Carvalho apresentou as suas credenciais junto do Grão-Duque Henri em setembro de 2018.

A cerimónia de despedida realiza-se este domingo, das 14:00 às 18:00, na sede do CLAE [26 rue de Gasperich L-1617 Luxembourg].

Em declarações à RADIO LATINA, Mendes de Carvalho mostrou-se “satisfeito” com o trabalho realizado nos últimos quatro anos, nomeadamente por ter conseguido “limpar tudo o que herdou de negativo e pôr o serviço consular a funcionar devidamente” e por ter colocado o Banco Europeu de Investimento (BEI) de “regresso” aos projectos da Guiné-Bissau.

Entretanto, o Presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, nomeou Apolinário Mendes de Carvalho, como novo embaixador do seu país para Angola.

Apolinário Mendes de Carvalho, antigo representante permanente da Guiné-Bissau junto da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), foi na altura nomeado embaixador pelo ex-chefe de Estado José Mário Vaz.

Exercia cumulativamente o cargo de representante da Guiné-Bissau junto da União Europeia, funções que passam agora a ser assumidas por Alfredo Lopes Cabral, que cessa funções como conselheiro presidencial.

A Guiné-Bissau não tem embaixador em Angola há vários anos, devido às sucessivas crises políticas internas registadas em Bissau. A representação guineense em Luanda sido garantida por encarregado de negócios.

ND // ND

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade