Deborah de Robertis - Facebook
Deborah de Robertis – Facebook

A artista franco-luxemburguesa Deborah de Robertis foi, quinta-feira (25), multada em 2.000 euros por um tribunal de Tarbes (França), por atentado ao pudor (exibição sexual), depois da artista se ter mostrado nua em frente ao santuário de Lourdes em 2018.

Na altura, a 31 de agosto de 2018, a artista franco-luxemburguesa foi detida pelas autoridades após uma “performance artística”, junto ao Santuário de Lourdes, em França.

Deborah de Robertis, na altura com 34 anos, despiu-se no decorrer de uma procissão e colocou-se junto à imagem da santa padroeira, com as mãos cruzadas e um véu a cobrir a cabeça.

A defesa da artista alegou que o acto se tratou de uma representação cultural, mas o argumento não colheu os argumentos.

Esta já não é a primeira vez que Deborah de Robertis, de 36 anos, é julgada por atentado ao pudor, tendo feito exibições de nudez no Museu do Louvre ou no Museu d’Orsay.

Je sors à peine de l’audience pour ma performance réalisée au sanctuaire de Lourdes. Comme toujours les questions du…

Publicado por Deborah De Robertis officiel em Quinta-feira, 25 de junho de 2020

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco via email para geral@lux24.lu.
Siga o LUX24 nas redes sociais. Use a #LUX24 nas suas publicações.
Faça download gratuito da nossa ‘app’ na Google Play ou na App Store.
Publicidade
Publicidade