[ARQUIVO] The headquarters of the European Central Bank (ECB) is pictured prior to the news conference on eurozone monetary policy following the meeting of the governing council of the ECB in Frankfurt am Main, western Germany, on July 21, 2022. (Photo by Daniel ROLAND / AFP)

 O Banco Central Europeu (BCE) anunciou hoje que decidiu aumentar em 50 pontos base as suas três taxas de juro directoras, a primeira subida em 11 anos, com o objectivo de travar a inflação.

A taxa de juro das principais operações de refinanciamento passa de 0% para 0,50%, a taxa aplicável à facilidade permanente de cedência de liquidez fica agora em 0,75% e a taxa de depósito que estava em terreno negativo (-0,50%) sobe para 0%.

Esta subida terá efeitos a partir de 27 de julho.

“O Conselho do BCE considerou apropriado dar um primeiro passo maior, na sua trajectória de normalização das taxas de juro directoras, do que o sinalizado na reunião anterior”, refere em comunicado o banco central, que optou por uma subida de 50 pontos base em vez dos 25 pontos base indicados inicialmente.

O BCE indicou que nas próximas reuniões continuará a subir as taxas de juro.

EO // SLX

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco via email para geral@lux24.lu.
Siga o LUX24 nas redes sociais. Use a #LUX24 nas suas publicações.
Faça download gratuito da nossa ‘app’ na Google Play ou na App Store.
Publicidade
Publicidade