Jogadores da selecção nacional portuguesa de futebol, 29 de março de 2022 - FOTO © Seleções de Portugal

Portugal necessita hoje de impor-se perante a Macedónia do Norte, no Estádio do Dragão, para garantir o ‘passaporte’ para o Mundial2022 de futebol, e assegurar a sexta presença consecutiva em campeonatos do mundo.

A inesperada derrota (1-0) da actual campeã europeia Itália aos ‘pés’ da selecção comandada por Blagoja Milevski deixou o mundo do futebol surpreendido e Portugal com a missão de chegar ao Qatar, teoricamente, mais acessível.

O pontapé do ‘meio da rua’ de Aleksandar Trajkovski, avançado dos sauditas do Al Feiha, aos 90+2 minutos, tirou o conjunto de Roberto Mancini da maior competição de selecções pela segunda vez seguida.

Com todo o favoritismo do seu lado, Portugal vai, muito provavelmente, deparar-se com um adversário a jogar em bloco baixo, a esperar por um erro, uma transição rápida ou um lance de bola parada para ferir os lusos.

Depois de ter cumprido castigo face aos turcos, o lateral João Cancelo deverá entrar directo para o ‘onze’, por troca com Diogo Dalot, tal como o central Pepe, que recuperou da infecção do coronavírus, e deverá ocupar a vaga ao lado de José Fonte, saindo Danilo, que jogou adaptado no eixo da defesa. Raphaël Guerreiro manter-se-á no lado esquerdo do defesa.

Portugal’s player Cristiano Ronaldo (C) during a training session at Dragao stadium in Porto, Portugal, 28 March 2022. Portugal will face North Macedonia in their FIFA World Cup Qatar 2022 play-off qualifying soccer match on 29 March 2022. ESTELA SILVA/LUSA

De resto, não devem acontecer mais mexidas, com Diogo Costa – uma das surpresas no ‘onze’ com a Turquia -, a permanecer dono da baliza, ao invés do habitual titular Rui Patrício.

No meio-campo, a aposta deve recair no experiente João Moutinho, na zona mais recuada, Bernardo Silva e Bruno Fernandes, enquanto os lugares do ataque serão para Otávio, autor de um golo a uma assistência contra a Turquia, e os indiscutíveis Diogo Jota e o capitão Cristiano Ronaldo.

Uma vez que a equipa das ‘quinas’ conta com 26 convocados, três vão ter de ficar fora da ficha de jogo, com os estreantes Tiago Djaló, Gonçalo Inácio, que já tinha ido para a bancada na última partida, e Vítor Ferreira a figurarem-se como esperadas escolhas a indicar hoje por Fernando Santos.

Portugal procura a oitava presença em Mundiais, e sexta consecutiva, depois de 1966, 1986, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018, enquanto os macedónios nunca participaram numa fase final de um Campeonato do Mundo.

O encontro entre Portugal e a Macedónia do Norte, da final do caminho C dos ‘play-offs’ europeus de acesso ao Mundial2022, tem início agendado para as 19:45, no Estádio do Dragão, no Porto, com arbitragem do inglês Anthony Taylor.

“Não estamos aqui por coincidência e temos algo diferente” – Ristovski

O futebolista Stefan Ristovski rejeitou que a presença da Macedónia do Norte nos ‘play-offs’ de acesso ao Mundial2022 seja coincidência, considerando que os macedónios “têm algo que outros não têm” para mostrar diante de Portugal.

“Sim, certamente que é um dos mais importantes desafios da história do nosso futebol. Talvez não houvesse essa crença para que estivéssemos aqui, mas não se trata de uma coincidência. Esta equipa tem algo que as outras equipas, talvez, não tenham. Tenho muito orgulho do feito que concretizámos. Estamos prontos para esta grande final [do caminho C dos ‘play-offs’]”, começou por dizer o defesa lateral dos croatas do Dínamo de Zagreb, em conferência de imprensa.

Depois da sua equipa afastar de forma surpreendente a campeã europeia Itália, no último jogo, face a um triunfo por 1-0, o antigo jogador do Sporting, que esteve em Alvalade entre as temporadas 2017 e 2020, traça o objectivo de marcar presença no Mundial do Qatar.

“Não poderia imaginar que aconteceria, mas temos um jogo decisivo que vai, de facto, acontecer. Existe essa possibilidade de acedermos ao Campeonato do Mundo. Temos de aguentar este tipo de pressão com estes adversários poderosos. Já passámos o primeiro obstáculo e estamos aqui para alcançar um grande resultado”, garantiu o capitão da selecção da Macedónia do Norte.

North Macedonia’s player Stefan Ristovski during a press conference at Dragao stadium in Porto, Portugal, 28 March 2022. North Macedonia will face North Portugal in their FIFA World Cup Qatar 2022 play-off qualifying soccer match on 29 March 2022. JOSE COELHO/LUSA

O jogo de terça-feira será de reencontros, nomeadamente com o grande amigo Bruno Fernandes, que foi colega de equipa nos ‘leões’.

“Sinto-me, de alguma forma, português. Tenho muito boas memórias e tenho uma forte relação com este país. Tenho uma excelente relação como Bruno e com outros jogadores que vai, certamente, perdurar. Faz parte das nossas careiras”, terminou.

O seleccionador Blagoja Milevski fez a antevisão à partida ao mesmo tempo que o lateral e deixou claro que a sua equipa não viajou para Portugal para fazer turismo.

“Com certeza que não vale a pena falar da equipa deles. Tem jogadores magníficos, não queria destacar ninguém individualmente, porque teria de enumerar vários nomes. Portugal exige um grande respeito. Não viemos aqui em turismo, mas para fazermos o nosso melhor e ganharmos”, assegurou.

Para o seleccionador, “nunca ninguém iria esperar por parte de uma equipa muito pequena” a possibilidade de afastar uma selecção poderosa como a Itália, pelo que a Macedónia “não vai deixar fugir esta oportunidade”.

O técnico deu conta que a sua equipa está pronta para dar o melhor de si, esperando que consiga transmitir a mesma energia conseguida diante da Itália.

“Que desfrutem do momento, aproveitem ao máximo o momento. Estão prontos para desempenhar o seu papel. Quero que transmitam a mesma energia que conseguiram contra a Itália”, apelou.

North Macedonia’s head-coach Blagoja Milevski during a training session at Dragao stadium in Porto, Portugal, 28 March 2022. North Macedonia will face North Portugal in their FIFA World Cup Qatar 2022 play-off qualifying soccer match on 29 March 2022. JOSE COELHO/LUSA

A selecção lusa está na final do caminho C dos ‘play-offs’, após ter vencido por 3-1 a Turquia, com golos de Otávio, Diogo Jota e Matheus Nunes, na quinta-feira, dia em que a Macedónia do Norte venceu em Itália por 1-0, com um golo de Aleksandar Trajkovski (90+2 minutos), deixando os transalpinos fora do Mundial pela segunda vez seguida.

Portugal procura a oitava presença em Mundiais, e sexta consecutiva, depois de 1966, 1986, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018, enquanto os macedónios nunca participaram numa fase final de um Campeonato do Mundo.

O encontro entre Portugal e a Macedónia do Norte, da final do caminho C dos ‘play-offs’ europeus de acesso ao Mundial2022, realiza-se na terça-feira, no Estádio do Dragão, no Porto, a partir das 20:45 (hora luxemburguesa), com arbitragem do inglês Anthony Taylor.

AJC (MO/PFO) // NFO

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões, sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade