FC Porto, Benfica e Sporting de Braga foram autorizados a receber um máximo de 15% da lotação dos estádios nos primeiros jogos em casa na Liga dos Campeões e Liga Europa, anunciou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Em comunicado publicado no sítio oficial na Internet, a FPF revelou que, “após um conjunto de reuniões entre a secretaria de Estado do Desporto e Juventude, o Ministério da Saúde e a Autoridade de Saúde, alcançou um acordo para efectuar mais três jogos teste com público”.

O FC Porto-Olympiacos, da segunda jornada do grupo C da Liga dos Campeões, em 27 de outubro, o Sporting de Braga-AEK Atenas, da primeira ronda do grupo G da Liga Europa, em 22 de outubro, e o Benfica-Standard Liège, da segunda jornada do grupo D da Liga Europa, em 29 de outubro, poderão ter público nas bancadas, limitado a 15% da lotação de cada um dos estádios.

Ainda de acordo com a FPF, a zona dos camarotes e lugares ‘corporate’ “com menos de seis lugares, deve ser reduzida, de forma a garantir o distanciamento de dois metros entre espectadores”, enquanto as que tiverem mais de seis lugares deverão ser reduzidas “pelo menos para 50% e garantindo o distanciamento de dois metros entre espectadores”.

Os três jogos dos representantes lusos nas competições europeias desta época vão ser “acompanhados pela equipa da Direcção de Competições da FPF, que foi responsável pelos testes efectuados no Estádio José Alvalade, nos jogos da selecção nacional, com Espanha e Suécia”.

As equipas portuguesas têm jogado à porta fechada desde junho, quando foram retomadas as competições nacionais, que tinham sido suspensas em março, devido à pandemia de covid-19.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade