O FC Barcelona ultrapassou o Real Madrid e tornou-se no clube de futebol com mais receitas em 2018/19, segundo um estudo publicado hoje pela Deloitte, no qual o Benfica surge no 24.º posto e o FC Porto no 29.º.

De acordo com a edição anual do ‘Football Money League’, o Benfica subiu seis lugares neste ‘ranking’, ao registar 197,7 milhões de euros (ME) em receitas, numa época em que reconquistou o título de campeão nacional e chegou aos quartos de final da Liga Europa, depois de ter ‘caído’ na fase de grupos da Liga dos Campeões.

Com uma receita calculada em 176,2 ME, o FC Porto, vice-campeão nacional e que chegou aos ‘quartos’ da ‘Champions’, ocupa o 29.º lugar.

O ‘ranking’ é liderado pelo campeão espanhol FC Barcelona, que destronou o rival Real Madrid ao tornar-se no primeiro clube a ultrapassar a barreira dos 800 ME, totalizando 840,8, mais 83,5 do que os ‘merengues’ (757,3), vencedores da última edição da “liga do dinheiro”.

O Manchester United continua a ser o clube com mais receitas da Premier League, com 711,5, apesar de ter falhado a qualificação para a ‘Champions’, à frente dos rivais e campeões do Manchester City (610,6) e do Liverpool (604,7), vencedor da Liga dos Campeões e do Mundial de clubes.

O Bayern Munique manteve o quarto lugar do ‘ranking’, com 660,1 ME, à frente do Paris Saint-Germain (635,9), que subiu ao quinto lugar, por troca com os ‘citizens’.

O Tottenham (521,1), agora comandado por José Mourinho, subiu ao oitavo lugar do ‘ranking’, numa época em que chegou à final da ‘Champions’ e inaugurou o seu novo estádio, conquistando o título de emblema mais rentável de Londres, ao ultrapassar Arsenal e Chelsea.

A octocampeã italiana Juventus, que conta com Cristiano Ronaldo, recuperou o 10.º posto, com um total de 459,7 ME, enquanto os franceses do Lyon (17.º) e os italianos do Nápoles (20.º) foram as novidades no ‘top-20’, que continua a ser um exclusivo para os ‘big 5’ (Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e França).

Segundo a Deloitte, “as receitas de transmissões televisivas continuam a ser a maior fonte de receita individual, representando 44% da receita total”, mais um ponto percentual do que na época anterior.

No total, os 20 clubes de futebol com maiores ganhos do mundo geraram um valor recorde de 9,3 mil ME em 2018/2019.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade