A Cinemateca Portuguesa vai liderar, nos próximos dois anos, um projecto europeu de educação cinematográfica, intitulado CinEd, que contará com apoio financeiro do programa Europa Criativa, revelou hoje a instituição.

O CinEd foi criado em 2015 e coordenado desde então pelo Institut Français, mas a Cinemateca Portuguesa viu agora aprovada a candidatura para prosseguir este projecto europeu, liderando um consórcio que tem como objectivo “promover a descoberta do cinema europeu junto dos jovens entre os 6 e os 18 anos”.

O trabalho no CinEd será desenvolvido em colaboração com escolas, professores e os oito membros deste consórcio para a educação fílmica: Portugal, Espanha, Itália, Bulgária, França, República Checa, Croácia e Alemanha.

Segundo a Cinemateca, o projecto CinEd terá um orçamento de cerca de um milhão de euros, dos quais 70% serão financiados pelo programa Europa Criativa Media e, os restantes 30%, pelos parceiros a envolver.

“Nesta fase, integra ainda como parceiros portugueses a Associação Os Filhos de Lumière e a empresa MOG Technologies SA, enquanto parceiro tecnológico”, refere a Cinemateca.

Nos cinco anos de existência do CinEd, foram feitas cerca de 1.400 projecções de cinema para mais de 62 mil alunos e 233 acções de formação para professores.

De acordo com informação da Europa Criativa, no âmbito dos projectos europeus de educação fílmica, a Fundação de Serralves integrará, enquanto membro, um projecto liderado pela cinemateca da Alemanha, intitulado “Cinemini Europe”, que será financiado em cerca de 372 mil euros.

“A linha de financiamento Europa Criativa Media – Educação Fílmica destina-se a apoiar um consórcio de entidades europeias que se proponham criar um catálogo de obras europeias e respectivos materiais pedagógicos”, acessíveis para jovens.

Publicidade
Falhas, erros, imprecisões ou sugestões?
Por favor fale connosco.
Publicidade

Todas as notícias e conteúdos no LUX24 são e continuarão a ser disponibilizadas gratuitamente, mas nunca como agora precisamos da sua ajuda para continuar a prestar o nosso serviço público.

Somos uma asbl – associação sem fins lucrativos – e não temos qualquer apoio estatal ou institucional, apesar do serviço público que diariamente fazemos em prol da comunidade portuguesa e lusófona residente no Luxemburgo, e já sentimos o efeito da redução da publicidade, que nos garante a manutenção do nosso jornal online.

A imprensa livre não existe nem sobrevive, sem o suporte activo dos seus leitores – sobretudo em épocas como esta, quando as receitas de publicidade se reduziram abruptamente, e nós continuamos a trabalhar a 100%.

Só lhe pedimos que esteja connosco nesta hora e nos possa ajudar com o seu donativo, seja ele de que valor for. Prometemos que continuaremos a ser a sua companhia de todas as horas.

Pode fazer o seu donativo por transferência bancária para a conta do LUX24:
IBAN: LU790250045896982000
Código BIC: BMECLULL

LUX24 asbl
#VaiFicarTudoBem

Publicidade