Portugal conquistou até ao momento nove medalhas nos II Jogos Europeus que decorrem em Minsk, capital da Bielorrússia.

Esta terça-feira, o ginasta português Diogo Ganchinho conquistou a medalha de bronze na prova de trampolins.

 

Diogo Ganchinho festeja o momento em que garante a medalha de bronze na competição de trampolim individual! E vão nove medalhas para a #EquipaPortugal nestes Jogos Europeus🥇🥈🥈🥈🥈🥉🥉🥉🥉

Publiée par Comité Olímpico de Portugal sur Mardi 25 juin 2019

 

Ganchinho totalizou 58,660 pontos, atrás do bielorrusso Uladzislau Hancharou, com 60,045, e do russo Mikhail Melnik, com 59,435.

Na qualificação para a final, Ganchinho tinha o segundo melhor registo, contudo o russo trocou de posição consigo na final, na qual o atleta da casa voltou a ser o mais forte.

Diogo Abreu tinha sido sétimo nas qualificações, mas perdeu a final de oito, uma vez que cada país apenas pode apurar um ginasta.

Na prova mista de judo, a seleção portuguesa de judo conquistou esta terça-feira a medalha de prata na competição mista ao perder na final com a Rússia, por 4-3.

 

"Fomos uma equipa do princípio ao fim" – Telma Monteiro, ao lado de Jorge Fernandes. Portugal medalha de prata nos Jogos Europeus #Minsk2019, vice-campeão da Europa. Eis a #EquipaPortugal

Publiée par Comité Olímpico de Portugal sur Mardi 25 juin 2019

 

Portugal chegou a 3-0, com os triunfos de Bárbara Timo (-70 kg), Anri Egutidze (-90 kg) e Rochele Nunes (+78 kg), mas, depois, Jorge Fonseca (+100 kg), Telma Monteiro (-57 kg) e Jorge Fernandes (-73 kg), por duas vezes, a última no desempate, perderam.

 

Nelson Oliveira vice-campeão no contrarrelógio

 

O ciclista português Nelson Oliveira conquistou igualmente esta terça-feira a medalha de prata no contrarrelógio individual de ciclismo de estrada ao terminar a prova atrás do bielorrusso Vasil Kiryienka.

Nelson Oliveira, de 30 anos, cumpriu os 28,6 quilómetros do ‘crono’ em 33.31 minutos, mais 28 segundos do que Kiryienka. O checo Jan Barta terminou no terceiro posto, em 33.40 minutos.

 

PRATA PARA NELSON OLIVEIRA 🥈Nelson Oliveira faz o 2. melhor tempo no contrarrelogio e confirma a medalha de prata, mais uma para a #EquipaPortugal!

Publiée par Comité Olímpico de Portugal sur Mardi 25 juin 2019

 

O corredor natural de Anadia, que tinha sido 10.º na prova de fundo, tem no seu historial no contrarrelógio o quarto lugar nos Mundiais de 2017, o sétimo nos Jogos Olímpicos Rio2016 e um terceiro posto num ‘crono’ da Volta a França em 2016.

Com as medalhas conquistadas hoje, a seleção lusa passa a somar nove medalhas nos II Jogos Europeus, com uma de ouro, por intermédio de Carlos Nascimento, nos 100 metros, e quatro de prata, pela equipa de judo na prova mista, pelo ciclista Nelson Oliveira (contrarrelógio) e pelas ginastas acrobatas Bárbara Sequeira, Francisca Maia e Francisca Sampaio Maia, em combinado e no exercício dinâmico.

 

Terminou a competição de judo para a #EquipaPortugal nos Jogos Europeus Minsk 2019Uma medalha de bronze para Telma…

Publiée par Comité Olímpico de Portugal sur Mardi 25 juin 2019

#EquipaPortugalFernando Pimenta foi o mais rápido na sua série em K1 1000m e garante passagem direta à final que se…

Publiée par Comité Olímpico de Portugal sur Mardi 25 juin 2019

 

Na prova de equilíbrio, as ginastas ainda conseguiram uma medalha de bronze, também alcançada pela judoca Telma Monteiro (-57 kg), pela estafeta mista dos 4×400 metros (Ricardo dos Santos, Cátia Azevedo, João Coelho e Rivinilda Mentai) e agora por Diogo Ganchinho nos trampolins.

Na primeira edição dos Jogos Europeus, em Baku, Portugal subiu 10 vezes ao pódio.

Publicidade