A Catedral de Notre-Dame em Paris, em chamas. 15.04.2019 – FOTO DR / Todos os Direitos Reservados

Um incêndio de grandes dimensões está a consumir a Catedral de Notre Dame, em Paris, desde as 18:50, hora luxemburguesa, desta segunda-feira, 15 de abril.

Um dos monumentos mais importantes da França, da Europa e classificada como Património Mundial da Humanidade desde 1991, a catedral gótica está a ser devorada pelas chamas.

De acordo com o jornal Le Figaro, o incêndio teve origem num andaime localizado junto ao pináculo da Catedral de Notre-Dame.

A catedral estava a ser alvo de renovações, estando várias secções sob andaimes para se procederem a trabalhos de restauração.

O pináculo da catedral – com 855 anos de históriajá colapsou devido às chamas e a nave central está a ser consumida pelas chamas. A Associated Press adianta que o fogo pode alastrar-se à torre Norte.

Há cerca de 400 bombeiros mobilizados.

A catedral começou a ser erguida no século XII, em 1163, durante o reinado do rei Luís VII, e iniciou a função religiosa em 1182, embora os trabalhos de construção tenham prosseguido até 1345.

A UNESCO, órgão das Nações Unidas que tem como um dos seus vários propósitos a salvaguarda do património cultural, já informou que vai estar ao lado da França para recuperar este monumento.

 

Imagem aérea da Catedral de Notre-Dame, em Paris, em Chamas. 15.04.2019. FOTO: Twitter

 

“Esta catedral vai ser reconstruída” – Emmanuel Macron

 

Emmanuel Macron garante que “Notre-Dame” vai ser reconstruída. FOTO DR / Todos os Direitos Reservados.
O Presidente francês, Emmanuel Macron, deixou esta segunda-feira à noite uma garantida: A Catedral de Notre-Dame “vai ser reconstruída”.
“O pior foi evitado mesmo que a batalha não tenha sido totalmente vencida. Quero ter uma palavra de esperança. Essa esperança é o orgulho que devemos ter, de todos aqueles que lutaram para que o pior não aconteça. Há mais de 800 anos, soubemos como construir esta catedral e, através dos séculos, fazê-la crescer e melhorar. Agora vamos construí-la todos juntos”, afirmou esta noite o Presidente francês.

Reacções chegam de todo o mundo

 

A destruição causada pelo fogo no monumento histórico mais visitado da Europa suscitou já inúmeras reações de líderes de todo o mundo.

O Presidente da Comissão Europeia, o luxemburguês Jean-Claude Juncker, classificou de “horror” o que está a acontecer. “Notre-Dame de Paris pertence a toda a humanidade”, escreveu Juncker no Twitter.

 

O primeiro-ministro do Luxemburgo, Xavier Bettel, primeiro-ministro do Luxemburgo, manifestou “tristeza”, ao ver a catedral arder “diante dos seus olhos”.

 

O Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, enviou um “abraço sentido” numa mensagem endereçada ao Presidente francês, Emmanuel Macron.

“Uma dor que nos trespassa o olhar e logo nos marca a alma, Paris sempre Paris ferida na sua Catedral em chamas, um símbolo maior do imaginário coletivo a arder, uma tragédia francesa, europeia e mundial”, lê-se na mensagem publicada no site da Presidência da República.

 

Mensagem de Marcelo Rebelo de Sousa ao Presidente francês

 

O Presidente francês, Emmanuel Macron, deu conta da “emoção de toda uma nação”. “Os meus pensamentos estão com todos os católicos e todos os franceses. Como todos os nossos compatriotas, estou triste por ver arder esta parte de nós”, escreveu no Twitter.

 

O Presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, classificou a tragédia como “horrível”.

 

A primeira-ministra britânica, Theresa May, manifestou a sua solidariedade com a França.

 

 

 

 

O Vaticano também reagiu à tragédia com “choque e tristeza”.

 

Dez factos sobre a Catedral de Notre-Dame de Paris

 

01 – É o mais visitado monumento na Europa, com mais de 14 milhões de visitantes por ano, ou seja, cerca de 35 mil por dia.

02 – A catedral está construída num lugar sagrado. A Île de la Cité está exactamente no centro de Paris e, desde o século XII, esta obra-prima gótica está no centro da ilha.

03 – A catedral foi edificada sobre quatro edifícios religiosos, em 1163.

04 – A igreja está descaída. O transepto da igreja, no eixo do nascer do Sol, não forma uma direita perfeita com a nave central, o plano está ligeiramente descaído para a esquerda. É um velho costume, que simboliza a cabeça de Cristo pendente na cruz.

05 – A catedral é o quilómetro zero. É o ponto oficial de todas as distâncias em França. O “point zéro des routes de France”.

06 – Os seus sinos, que já não são os originais, têm nomes: Marie, Emmanuel, Gabriel, Anne-Geneviève, Denis, Marcel, Etienne, Benoît-Joseph, Maurice e Jean-Marie.

07 – As quimeras não são medievais. Foram sendo substituídos ao longo dos últimos 150 anos por desgaste do tempo. As gárgulas – que também têm animais – foram criadas para escoar a água do templo gótico.

08 – Napoleão coroou-se na Notre-Dame e salvou-a. A partir de 1804, Napoleão tornou-se imperador, coroando-se ali e dando nova honra ao local.

09 – Em 1831, Victor Hugo trouxe a catedral para a cultura popular com o sucesso de ‘O Corcunda de Notre-Dame’.

10 – O rácio dourado. A fachada oeste da catedral foi construída de acordo com o rácio dourado – um quadrado e um retângulo cuja dimensão combinada corresponde ao rácio de 1:1.61. é considerada uma dimensão perfeita.

 

[Actualizada às 23:20, hora luxemburguesa]