O Hospital Princesa Marie Astrid, em Niederkorn, Luxemburgo, deverá ser demolido em 2025 devido à presença de amianto no edifício, segundo a imprensa.

O jornal L’Essentiel avança que o edifício deverá destruído, mas que no local poderá nascer um projecto imobiliário que inclui um centro de medicina ambiental, uma creche e um lar de idosos.

A demolição do edifício só deverá acontecer após a abertura do futuro Hospital Südspidol, junto à rotunda de Raemerich, em Esch-sur-Alzette.

Os três pólos do Centre Hospitalier Emile Mayrisch [Niederkorn, Dudelange e Esch-sur-Alzette] vão desaparecer dando lugar ao ‘super’ Hospital Südspidol.